Este local é, com certeza, dedicado aos 90% do meu cérebro que não tenho certeza de para que servem... Entre um cigarro e outro, entre o dia e a noite, nas beiradas de um talvez qualquer, fico gastando palavras, me espreguiçando nas frases, me escondendo entre as reticências...
Ao leitor deixo o agradecimento pelas palavras que eu não disse, mas que, ainda assim, acabaram por ser ouvidas...

sábado, 17 de outubro de 2009

INSANA NORMALIDADE

Hoje me fartei de Rogério Skylab... Fazia tempo que eu não dava um tempo no trabalho desse maluco. O cara é bom! Putz, como o cara é bom! Se eu distribuisse troféus, ele, com certeza, receberia uma menção honrosa, tipo "Impagável".
Eu nasci, cresci, vivi e me criei careta, tipo careta de pedra mesmo. E a minha "caretisse" sempre foi uma loucura. Acho que foi por esse motivo que nunca me liguei nesse lance de drogas. Sendo uma louca careta não tinha como não entrar num conflito travante com as drogas. O Skylab me lembra exatamente disso: o cara é muuuuiiiiito louco, daquela loucura "desdograda", que apenas quem é entende.
Eu acredito que ele seja bastante politizado, mas também é engraçado, simples, completo.
Afora o seu clássico "matador de passarinhos", é legal ver outras obras suas, como "Carrocinha de cachorro quente": "Eu tô sempre dopado"; "quer tc comigo?".
Para conhecer mais a respeito dessa figuraça, clique aqui.
Mas eu vou logo avisando que, afora esses clássicos imperdíveis, você vai encontrar muito palavrão, que é uma das marcas registradas dele.

Comente

Postar um comentário

Agradeço seu comentário, pedindo apenas a cortesia de observar as regras de urbanidade e educação.